Arnaldo Antunes e a Palavra – 1ª parte

Quando a linguagem deixou de ser poesia? Esta é uma das perguntas que movem o imaginário do brasileiro Arnaldo Antunes. Música, literatura, artes gráficas ou performance, todas as artes por onde transita este multitalentos seguem uma mesma orientação, um mesmo impulso, o da palavra. Procurar a poesia, diz Arnaldo Antunes, é como ir em busca da infância da linguagem. E essa procura incessante pela palavra, expressa nas suas mais diversas formas, escrita, falada ou musicada, é uma obsessão para o artista.

Esta reportagem emitida pela RNE/ Radio Exterior de España explora o impulso criativo de Arnaldo Antunes e sua relação com a palavra. As declarações são entremeadas de poemas musicados recitados pelo próprio artista.

PLAY

frase-todas-as-coisas-do-mundo-nao-cabem-numa-ideia-mas-tudo-cabe-numa-palavra-nesta-palavra-tudo-arnaldo-antunes-92680

0