Cantarole. Quem sabe o canto se desvela?

Luna Cohen_ Foto Marina Ribas

Foto: Marina Ribas

Não há como fugir: cedo ou tarde, a experiência de morar fora nos reserva grandes descobertas. No caso de Luna Cohen, ela encontrou dentro de si a arte de cantar. Quando desembarcou em Barcelona, há quase 14 anos, era no universo das artes plásticas que a brasileira transitava. Mas foi compondo e entoando canções que Luna Cohen se sentiu realmente à vontade.

Só que cantar não estava nos planos de Luna. Não inicialmente. Para descobrir o seu talento musical, a mineira precisou de um “empurrãozinho”. Certo dia, enquanto passeava pelas ruas de Barcelona, o cantor Manu Chao a ouviu cantarolar. Ele a seguiu com sua guitarra, absorto pela voz, dedilhando os acordes da canção que Luna cantava.

Foi então que Manu Chao – à época, Luna Cohen não o conhecia – gravou a voz da artista que se convertiria em cantora, incentivando-a a seguir este rumo. De lá para cá, Luna Cohen não parou mais e após ser premiada pelo seu primeiro disco, “Estrada do Sol”, prepara seu novo trabalho, mais autoral e com muita mistura de sonoridades.

A música de Luna Cohen e revelações sobre o seu processo criativo você encontra aqui, nesta emissão produzida para a Radio Nacional de España/ Radio Exterior (minuto 1’26”).

PLAY
Luna Cohen Grup Foto Jaime Olivet

Foto: Jaime Olivet

1