Cultura

  • Formação para reconhecer um bom azeite de oliva

    By Michelly Teixeira on 7 de November de 2014
    O Brasil não é, nem de longe, um grande produtor de azeite de oliva, mas é o décimo maior consumidor mundial deste produto, em uma lista liderada por Itália, Espanha, Estados Unidos e Grécia. E já que está localizada na Andaluzia, região da Espanha responsável por quase 25% de toda a produção mundial de azeite, a Universidade de Jaén se sentiu na obrigação de capacitar profissionais brasileiros na arte de reconhecer um azeite de oliva extra-virgem.
  • Ser estrangeiro é tirar a máscara, diz Rodrigo Amarante

    By Michelly Teixeira on 20 de October de 2014
    Morar em outro país revolucionou a maneira de pensar e o fazer artístico de Rodrigo Amarante. A partir desta experiência, o cantor e compositor aprendeu a duvidar da própria identidade. Sua insistência em permanecer nos Estados Unidos foi um intento de se despir dos signos construídos em torno de si mesmo. E esse questionamento, sobre o qual Amarante falou à Radio Nacional de España, orientou a produção do seu disco “Cavalo”. Nesta conversa, Amarante também fala sobre sua condição de protagonista na carreira solo que está deslanchando e do senso de perigo ao se expor no palco sozinho com seu violão. “Me sinto como se estivesse fazendo algo punk, apesar de tocar músicas tão delicadas.”
  • Batuque é mais que tambor, é luta

    By Michelly Teixeira on 16 de October de 2014
    Nos dicionários, a acepção "batuque" está associada a ruídos de golpes repetidos, um tipo de tambor ou até mesmo a qualquer música e dança de origem africanas. Mas batuque é muito mais do que isso. Nasceu como uma luta no Recôncavo Baiano, antes mesmo de existir a capoeira. A luta, uma manifestação brasileira inspirada na cultura africana, é a semente da capoeira e até mesmo do samba. Esta revelação é assunto do livro "Batuque, Luta Braba". Elsa Abreu, filha do autor desta obra, nos dá preciosas informações sobre o batuque.
  • Cinema para empoderar e promover o pensamento

    By Michelly Teixeira on 15 de October de 2014
    Mais que uma técnica, o cinema é uma janela. Dela, não só é possível ver o mundo de diversos ângulos, como também se expressar a quem está do lado de fora. Em alguns casos, pode até representar um instrumento de resgate. É o que se propõe o Link Conexão Audiovisual, coletivo que, com ajuda do vídeo, quer empoderar jovens imigrantes de Barcelona e da periferia de Salvador. A ideia é utilizar a linguagem cinematográfica para estimular o debate sobre identidade, imigração e democratização da informação. Que surpresas são reveladas a partir destas empatias e estranhamentos? Descubra nesta entrevista.
  • Peu Meurray transforma lixo em música e inserção social

    By Michelly Teixeira on 10 de October de 2014
    No universo alternativo baiano, este artista é rei. Sua arte é carregada de um componente social, para não dizer também ecológico. Ecológico pela fabricação de tambores de pneus. Social pelos projetos com crianças e adolescentes de comunidades carentes. Falo do percussionista e artista plástico Peu Meurray, que formou dezenas de jovens, ensinando música, conceitos de reciclagem e promovendo inserção social. Nesta entrevista, ele fala do seu projeto artístico e socioambiental e conta como foram os primórdios de seu trabalho de converter lixo em luxo, muito antes de a reciclagem se tornar moda.
  • Uma aventura cinematográfica entre Brasil e Espanha

    By Michelly Teixeira on 9 de October de 2014
    "La Tropa de Trapo" embarca em sua segunda aventura. A primeira parte dessa animação foi lançada em 2010 e, neste ano, chegou a sequência. Desta vez, a missão é ajudar o arco-íris a recuperar suas cores e seu brilho, apagadas pelo tratamento que os seres humanos estão prestando ao planeta. O longametragem em 3D é do diretor catalão Álex Colls, que optou por uma co-produção entre Barcelona, Galícia e São Paulo. O cineasta, que atua ativamente no universo audiovisual para crianças, levanta a questão do papel educativo das produções televisivas e cinematográficas.
  • A proeza de escrever para crianças – e continuar independente

    By Michelly Teixeira on 1 de October de 2014
    O momento econômico na Espanha é pouco favorável para os negócios, incluindo as letras. Mas nem o ambiente hostil, nem as absorções por grandes grupos editorais, inibem os projetos da Ediciones Ekaré. Ela é a única editora independente de literatura para crianças que nasceu na América Latina e continua de pé na Espanha. Além dos esforços para sobreviver neste período difícil, o editor Pablo Larraguíbel fala das mudanças que têm se processado na sociedade da informação e de como um livro pode conquistar a atenção das crianças numa era ditada pelo apelo audiovisual.
  • A voz de Ellen Oléria agora é internacional

    By Michelly Teixeira on 30 de September de 2014
    Quando o talento vem, não há como sufocá-lo. Ellen Oléria era uma garotinha quando dedilhou os primeiros acordes no violão. Aprendeu a tocá-lo sozinha. E escondida, já que o instrumento, menina-dos-olhos de seu pai, era guardado a sete-chaves. Em 1998, aos 16 anos, Ellen reconheceu a música como seu rumo profissional, mas foi em 2012, quando participou do reality show musical "The Voice", que sua carreira deslanchou. A cantora e compositora fala do seu sucesso meteórico e dos planos para seu próximo disco.
  • Sushi nipo-brasileiro com beats eletrônicos

    By Michelly Teixeira on 30 de July de 2014
    Barcelona é um celeiro de criações musicais eletrônicas, abrigando os mais importantes festivais do gênero. E na capital catalã proliferam os restaurantes de comida japonesa com um toque brasileiro. Foi a partir desta percepção que Daniela Marques e Leandro Rossi decidiram juntar a fome com a vontade de comer e transformar em ganha-pão duas de suas grandes paixões, os beats eletrônicos e o sushi. Conheça o Sushiki, catering de comida nipo-brasileira, e o coletivo de DJ's Putis!.
  • Tudo sobre o futuro da videoarte

    By Michelly Teixeira on 29 de July de 2014
    A videoarte está em plena ebulição. E esse fenômeno mundial se dá não só pela efervescência criativa de seus artistas, mas também pelos recursos tecnológicos que avançam a galope. Com o Festival Visual Brasil, Barcelona nos dá a clara dimensão do que há de novo neste universo e para onde miram seus artistas mais brilhantes. Ricardo Cançado, videoartista que concebeu o Visual Brasil, fala da evolução da videoarte no mundo e o que espera para o futuro das artes visuais, tanto do ponto de vista artístico, como do técnico.
  • Música para harmonizar o corpo e a mente

    By Michelly Teixeira on 23 de July de 2014
    Pitágoras e seus discípulos acreditavam que a música seria uma espécie de medicina para equilibrar os humores do corpo e da mente. Mas a ideia do som como instrumento de cura persiste. Cada vez mais, especialistas têm utilizado como terapia esta prática ancestral. Este é o caso de Pedro Collares, que trouxe à Europa os cânticos sagrados dos índios Yawanawá, da Amazônia Brasileira. Escute a entrevista e como soam os cantos e os instrumentos musicais utilizados na terapia do som.
  • Quando o português se firmará como uma língua global?

    By Michelly Teixeira on 18 de July de 2014
    Cerca de 260 milhões de pessoas falam português ao redor do globo. Porém, apesar de seu peso demográfico, o idioma ainda não conseguiu projeção cultural e econômica. Além da falta de coesão linguística, há razões históricas e sociais para esta fragmentação na identidade linguística dos países lusófonos. Quem nos dá a exata dimensão destes entraves é o diretor do Instituto Camões em Barcelona e professor de filologia românica na Universitat Autònoma (UAB), Jordi Cerdà.
  • Eu tenho tantos hermanos

    By Michelly Teixeira on 17 de July de 2014
    O Mato Grosso do Sul, nas palavras do cantor e compositor Márcio De Camillo, é um "liquidificador harmônico", onde os ritmos brasileiros se fundem com as raízes hispânicas. Mas em um Brasil naturalmente mestiço, as pessoas nem sempre são conscientes desta mescla de sonoridades e de sua herança multicultural. Celebrar o vínculo do Brasil com os países vizinhos, todos falantes de espanhol, é um dos propósitos do trio Hermanos Irmãos, que também comemora três décadas de parceria musical e de amizade entre Márcio e outros nomes muito conhecidos e atuantes na região: Jerry Espíndola e Rodrigo Teixeira.
  • Pelos rincões mais ermos da Catalunha

    By Michelly Teixeira on 16 de July de 2014
    Em um mundo cada vez mais urbano, onde a pressa e as aglomerações ditam o ritmo e o rumo, é difícil imaginar a que passo vão as microcidades, o que acontece nestes rincões e que histórias seus habitantes têm para contar. Com uma furgoneta na estrada e muitas ideias na cabeça, o fotógrafo Edu Bayer e o jornalista Marc Serena decidiram investigar como vivem os moradores das menores cidades da Catalunha. Saiba como, com o MicroCatalunya, eles estão mapeando e documentando municípios com menos de 500 habitantes.
  • Això no és africà!

    By Michelly Teixeira on 11 de July de 2014
    Há 4.000 anos, dois homens foram enterrados juntos no Egito e, em sua tumba, além da inscrição "Unidos no bendito estado da morte", se vê uma pintura que pode ser a primeira representação de um primeiro beijo gay da história da humanidade. Porém, para a África de hoje, este comportamento "não é africano". Durante sete meses, o jornalista Marc Serena percorreu 15 países africanos para falar da perseguição aos homossexuais, em muitos casos punidos com pena de morte.